30/11/2013 - Porto Alegre: Emival toma medidas impopulares para cumprir com obrigações

Nos últimos meses a prefeitura municipal de Porto Alegre do Norte vem realizando profunda contenção de gastos entre elas a dispensa de contratados com o intuito de enxugar a folha. Para aumentar a arrecadação houve mudanças no setor de tributos, descontos para pagamento do IPTU e aviso de suspensão de fornecimento de água para inadimplentes.
A proximidade de dezembro teria pegado a gestão “desprevenida” quanto as despesas e principalmente ao décimo terceiro salário, a possibilidade do não cumprimento deste pagamento seria mais um combustível para a oposição que vem fazendo duras críticas a gestão Emival Freitas. 

O Secretário de administração Oziel Braga garantiu que a gestão irá cumprir com essa obrigação e que já estão tomando as devidas providências para acertarem os ponteiros, além dos cortes e da diminuição de salários existe a real possibilidade de mais demissões, (Uma fonte relatou ao Olha21 que outros nomes serão desligados da administração e que o prefeito está com receio, pois isso pode gerar mais desgaste, provavelmente sejam cortados nomes sem apadrinhamento e que segunda a fonte não estariam rendendo muito). 

Sabe-se que o PSDBista foi eleito com o maior apoio político da história e que recebeu fortes pressões no início do mandato por parte de aliados, mas que não teria cedido pois detesta pressão. Recentemente Freitas reconheceu em um jornal local que cometeu alguns erros e que espera corrigir todos até início de 2014. 

Nas idas para Cuiabá e Brasília o prefeito Emival tem se saído bem, provavelmente Porto Alegre será um dos municípios da região a receber mais convênios e recursos. Projetos e toda a papelada burocrática estão sendo desenvolvidos para receber esses investimentos, mas enquanto nada de concreto é feito ou realizado o gestor terá que ter pulso firme e muito jogo político para conquistar mais apoio popular algo que claramente não aconteceu em seu primeiro ano de governo. 

 

Olhar 21

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário