31/01/2012 - 'Ele corre um risco de morte importante', diz médico sobre Wando

 

 

O médico Eduardo Szuster, do Centro de Terapia Intensiva (CTI) do Hospital Biocor, em Nova Lima, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, disse que o quadro de saúde do cantor Wando é "muito grave". "Ele corre um risco de morte importante", falou o médico em entrevista coletiva nesta segunda-feira (30). O músico foi internado na sexta-feira (27), está sedado e respira com ajuda de aparelhos. Segundo médico, não há previsão para retirada da sedação e da respiração artificial.

De acordo com um boletim médico divulgado na tarde desta segunda-feira (30), Wando deu entrada no hospital com quadro de angina de peito, e foi submetido a um cateterismo cardíaco na sexta. Na manhã de sábado, o cantor apresentou uma piora e foi submetido a uma angioplastia coronariana de múltiplas artérias, e internado no CTI na sequência.

"De sábado pra cá, ele teve melhoras pequenas. O estado dele é muito grave, mas estável. Estamos confiantes na plena recuperação dele”, comentou Szuster. O médico ainda contou que, há algumas semanas, o cantor reclamou de dor no peito para seu clínico particular, dr. João Carlos Dionísio. A rapidez nos exames e a agilidade no encaminhamento de Wando para o hospital  permitiram que o problema cardíaco apresentado pelo cantor não evoluísse para um infarto, segundo o médico. Ainda de acordo com Szuster, esta agilidade pode ter salvo a vida do músico.

Szuster disse que o histórico familiar de Wando - o irmão e o pai morreram por problemas cardíacos - é um agravante para seu estado.

 

Maria das Graças Reis, irmã de Wando, se emociona no hospital (Foto: Pedro Triginelli/G1)Maria das Graças Reis, irmã de Wando, se emociona

no hospital (Foto: Pedro Triginelli/G1)                

'Estamos confiantes'

 

A irmã do cantor Wando, Maria das Graças Reis, disse nesta segunda-feira (30) que ela e a família estão com esperanças a respeito da recuperação do músico. “Estamos confiantes, ele é uma pessoa forte”, disse.

De acordo com a irmã do cantor, outros membros da família já tiveram problemas cardíacos. "Meu pai, um tio e eu já tivemos problemas no coração. Tenho uma boa relação com ele. Prefiro que eu morra no lugar do meu irmão", disse emocionada. Maria das Graças disse que um irmão dos dois e o pai morreram devido a problemas cardíacos. Eles ainda têm outros dois irmãos por parte de pai.

A irmã contou ainda que falou com Wando na segunda-feira passada e ele estava bem. "Ele não fumava. Ele se cuida, tem boa alimentação", completou.

 

Shows adiados
Dois shows do cantor Wando foram adiados no Rio Janeiro, até a recuperação do artista, internado em Minas Geraiscom complicações cardíacas. Segundo informações do escritório do cantor, as apresentações, que seriam nos dias 4 e 10 de fevereiro em Saquarema e São Gonçalo, foram remarcados para o mês de março.  
Segundo o escritório de Wando no Rio de Janeiro, o cantor não tinha conhecimento de problemas no coração e a internação surpreendeu a todos. Ele está acompanhado da família em Nova Lima.

 

Biografia
Nascido Vanderley Alves do Reis, em Cajuri, na Zona da Mata de Minas Gerais, Wando passou a infância em Juiz de Fora. Depois, foi para a cidade de Volta Redonda (RJ), onde vendeu leite, entregou jornal, foi feirante, motorista de caminhão e já se envolvia com a música, segundo o site oficial do cantor. Ele começou a fazer shows em bailes, com um grupo, e descobriu que as músicas românticas eram mais apreciadas pelas mulheres.

Em 1973, Wando gravou seu primeiro álbum, "Glória a Deus no céu, e samba da terra". O sucesso "Moça" veio em 1975, quando o cantor vendeu 1,2 milhão de discos compactos simples do álbum "Wando". Ao todo, são 28 álbuns na carreira do artista que ficou conhecido por ganhar calcinhas das fãs. O trabalho mais recente foi lançado em 2005, "Wando - Romântico brasileiro, sem-vergonha".

Wando mora no Rio de Janeiro e em Belo Horizonte, cidade-natal de sua mulher, Renata Costa Lana e Souza.

Leia abaixo o boletim médico na íntegra.

"Belo Horizonte, 30 de janeiro de 2012.

Boletim médico - Biocor Instituto - Vanderley Alves dos Reis (Wando)

Recomendado pelo seu clínico particular, dr. João Carlos Dionisio, o paciente Vanderley Alves dos Reis, Wando, foi encaminhado para a realização de cateterismo cardíaco no Biocor, devido ao quadro de angina* de peito e alteração de exames propedêuticos.

O cateterismo foi realizado na manhã desta sexta-feira, sem intercorrências. O paciente permaneceu internado no hospital para definição terapêutica.

Devido à gravidade e extensão das obstruções coronarianas encontradas, após discussão em equipe, optou-se pela permanência hospitalar para cirurgia de revascularização do miocárdio.

Contudo, na madrugada de sábado, o paciente apresentou quadro de angina refratária ao tratamento clínico. Sendo assim, foi prontamente submetido, em caráter de urgência, a angioplastia coronariana de múltiplas artérias, pela mesma equipe.

O paciente foi encaminhado para o CTI, sedado, respirando por aparelhos, com suporte medicamentoso e suporte de assistência circulatória.

Encontra-se em estado grave, mas com ligeira melhora do quadro clínico. Sem previsão de alta e tendo à mão todos os recursos para o tratamento.

* angina - dores no peito, casada por falta de sangue no músculo cardíaco.

Este boletim foi construído pelos dr. João Carlos Dionísio, clínico particular do paciente, e dr. Eduardo Szuster, equipe do CTI, com autorização da esposa do paciente, sra. Renata Lana Costa e Souza".

 

Pedro Triginelli/ Do G1 MG

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário