05/11/2018 - Assassino da esposa diz que matou por ter visto conversas dela com outro homem no facebook

05/11/2018 - Assassino da esposa diz que matou por ter visto conversas dela com outro homem no facebook

Preso vagando próximo à igreja onde aconteceria a missa de sétimo dia da esposa Bianela Muylla Dias da Silva, que a matou no dia 24 de outubro, em um quarto de um motel, Laurinei Ferreira de Souza, o assassino confesso, disse que matou por ter ficado revoltado ao ver conversas da esposa com outros homens, no facebook.

Meticuloso, ciumento e vingativo, Laurinei contou na Delegacia de Polícia, com muita frieza e requintes de detalhes como matou a ex-companheiro, como planejou tudo. Ele disse que a convidou para ir a um motel alegando que queria reatar o relacionamento e pediu para fazer sexo com ela. Ele disse que a mulher não aceitava voltar a morar junto. Mais enfurecido ainda a matou.

“Eu tinha viajado e não sabia que ela estava usando o Face, que ela estava conversando com outro rapaz. Nessa parte, ele começou a se relacionar com esse cara no whatssap, ela só chegava as quatro e pouco...eu não tinha certeza que estava me traindo, mas foi por isso que começou a briga”, disse.

O ex-marido teria levado uma faca ao local e após a discussão com a esposa a esfaqueou no pescoço. Quanto ao ataque que resultou na morte de Bianela, o acusado diz que a mulher teria avançado nele com a faca e que agiu em legitima defesa.

 

Redação 24 Horas News

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário