11/06/2018 - Homenagem é ponto para promoção de policiais que resgatam criança indígena

11/06/2018 - Homenagem é ponto para promoção de policiais que resgatam criança indígena

Cinco policiais militares, que atuaram no resgate da bebê indígena em Canarana, receberam homenagem do governador Pedro Taques (PSDB), nesta quinta-feira (7). A nota elogiosa será incluída na ficha funcional dos servidores e poderá ser item decisivo para promoções e benefícios aos militares.

Considerados heróis, os profissionais cavaram com as próprias mãos a terra compactada que cobria a recém nascida. Com cuidado, retiravam a menina do solo e a encaminharam para o hospital da cidade. A procura pelo local do enterro e a técnica para remoção da criança foram decisivos para a sobrevivência da pequena. A bebê foi enterrada pela bisavó, porque era filha de mãe solteira, situação que a tribo não admite.
 
“O lapso entre o horário do suposto enterro e a hora em que recebemos a denúncia era muito grande. Então nossa esperança de encontrar esse bebê vivo era zero”, lembra o major João Paulo, que participou do resgate.
 
O policial conta que ele a equipe começaram a escavar o terreno, assim que chegaram ao endereço e já ouviram um choro bem baixinho. “A gente teve muito cuidado na hora de escavar para evitar causar maiores danos ao bebê. Na hora a gente fica muito apreensivo para que nada de ruim aconteça, mas ficamos muito emocionados”, conta. 
 
O major menciona que a situação é ainda mais tocante quando se tem filhos, como é o caso dele. “Tenho um bebê de nove meses e a gente tem o maior cuidado para que nada de ruim aconteça e ai você presencia uma situação daquela. É realmente um milagre”, declara emocionado.
 
Durante a solenidade, o governador ressaltou a importância do trabalho profissional e sensível dos polícias e também os efeitos da homenagem na carreira dos servidores.
 
“Essa é uma nota elogiosa, que está prevista na Constituição, que o governador pode fazer em relação a servidores públicos e isso vai ser apostilado na ficha funcional deles, para fins de promoção e outros benefícios”, declarou o governador.
 
A bebê foi transferida em estado grave para a Santa Casa de Cuiabá e uma investigação foi iniciada para apura o crime. A bisavó da criança confessou que a enterrou e foi atuada. Ela segue presa.

 

 

 

Jessica Bachega, Hipernotícias

Comentários

Data: 11/06/2018

De: Denise Miranda

Assunto: Resgate

João Paulo pessoa que conheço desde que nasceu, neto do meu compadre joão Evangelista, fazendo belo trabalho em Canarana, mais que nunca deixa de parabenizar por esse resgate dessa linda criança continue assim,Deus abençoe vcs todos foi lindo o trabalho!

Novo comentário